Dicas

  • Atividades para crianças em casa

    Atividades para crianças em casa

    Não importam se estão de férias ou não. Criança gosta mesmo é de diversão. E nem sempre diversão está ligada a passeios no shopping, vídeo game ou celulares. Segue abaixo algumas dicas para se divertir com a criançada sem gastar muito, e explorar ainda mais a criatividade delas.

    Sessão pipoca: não precisa ir ao cinema e gastar muito para ter essa diversão. Ajuste a sala, quarto ou um espaço aconchegante para a criançada. Coloque pufes, poltronas, colchão, almofadas para elas ficarem bem à vontade. Faça pipoca, compre algumas guloseimas e coloque um filme escolhido por eles.

    Teatro em casa: chame os amigos dos seus filhos, pegue roupas e acessórios sem uso e deixe a criançada montar um espetáculo. No final da peça, faça uma mesa com lanches e bebidas para agradecer ao espetáculo. Você verá como a criatividade dessas crianças é espetacular!

    Piquenique: nem sempre precisamos ir ao parque para fazer um piquenique, aliás, qualquer cantinho serve, basta usar a imaginação e montar um espaço bem divertido. Monte uma cesta cheia de coisas gostosas para beber e comer, um livro para contar uma história e uma bola para gastar a energia da criançada. E se estiver tempo bom, não dispense uma piscina inflável para a garotada - é diversão na certa!

    Momento Picasso: que tal divertir a criançada as deixando terem o momento artista? Compre massinhas de modelar, telas, tinta guache e pincéis e deixem-nas soltarem a imaginação. No final, você verá lindas obras de arte que irão decorar sua casa – você pode colocar em porta retrato e enfeitar o rack da sala.

    Organize a brincadeira depois da diversão! As caixas organizadoras, além de organizarem tudo o que você precisa, também decoram o quarto, a sala, o quintal, e deixam tudo no lugar certo, só esperando o próximo divertimento. Aproveite e chame as crianças para ajudar na arrumação. Com certeza essa parte também fará parte da curtição.

     

    Fonte: Casa & Construção


  • Tendências de 2018

    Tendências de 2018

    Decorar um ambiente é, acima de tudo, se expressar. Como em qualquer outro trabalho artístico, através da decoração você revela seus valores, gostos e até sua visão de mundo. Quem vê um ambiente planejado e decorado por você, consegue perceber um pouco da sua essência.

    Seguindo as referências atuais e imprimindo nossa personalidade, não tem como errar na hora de arrumar nosso lar. Por isso, trazemos para você algumas tendências para 2018:

    · Madeira

    03-01-2018-1

    Ano após ano, a madeira está em listas de tendências de decoração e, muito provavelmente, vai permanecer assim. Por ser muito versátil, ela pode ser trabalhada com vários elementos, sempre esquentando o ambiente. A aposta para esse ano é que acompanhe materiais frios como ferro, espelho e detalhes em laca de alto brilho.

    · Metais

    03-01-2018-2

    Os matérias metálicos estão em alta, não somente em peças decorativas, mas também em móveis como mesas, cadeiras e armários de cozinha. Sempre acompanhado de madeira ou outro elemento, como a pedra.

    · Mescla de materiais

    03-01-2018-3

    A mistura de materiais quentes e frios como madeira, metal e plástico também estará presente em 2018, caindo bem em ambientes comuns, como sala e cozinha, quanto em áreas mais privadas, como quartos.

    · Rosa

    03-01-2018-4

    A cor rosa, em seus variados tons, promete ser a cor de 2018. A cor fez muito sucesso no último CASACOR São Paulo e parece estar entre a preferida de designs e arquitetos.

    · Curvas e formatos “orgânicos”

    03-01-2018-5

    Formas arredondadas, inspiradas na natureza com curvas suaves e continuas melhoram a ergonomia dos móveis, deixando-os mais confortáveis . Esta tendência está presente também em peças decorativas e já começa a influenciar a arquitetura.

    Inspire-se nessas dicas para dar uma repaginada nos ambientes, mas lembre-se sempre de imprimir sua personalidade, fazendo da sua casa uma continuidade de quem você é e que lhe faça feliz.

     

    Fonte: Young Empreendimentos


  • Como fazer um varal de lâmpadas?

    Como fazer um varal de lâmpadas?

    Provavelmente você já foi a alguma festa ou evento que tinha um varal de lâmpadas na decoração. Se não foi, pelo menos já esbarrou com a inspiração pelos sites de referência que existem aos montes por aí. De fato, a ideia virou tendência. No mercado, existem vários modelos e tamanhos, mas aqui no blog nós separamos seis formas de fazer um varal de lâmpadas usando materiais que provavelmente você tem em casa. Confira, pois as inspirações estão ótimas!

    Primeiramente, como funciona um varal de lâmpadas?

    O varal de lâmpada basicamente é um fio comprido com pequenas luzes em toda a sua extensão. A peça é muito parecida com um pisca-pisca de Natal, porém, as lâmpadas podem ser customizadas de um modo a valorizar ainda mais a iluminação do ambiente. A inspiração é legitimamente americana, mas ganhou o mundo graças aos sites e blogs de decoração que começaram a adotar a peça dentro dos mais diversos estilos – e o melhor, dentro e fora de casa.

    Foto 2

    Você pode fazer um varal de lâmpada do zero, comprando fio e adaptadores. Porém, é extremamente importante contatar um especialista, pois estamos falando de um objeto ligado à eletricidade que pode, se mal elaborado, causar acidentes graves. E vale lembrar que dependendo da metragem do fio, existe uma quantidade de lâmpadas, bem como o modelo certo para comprar. Portanto, fale com o eletricista, que poderá orientar sobre o que é necessário para seu espaço.

    Foto 3

    Veja a lista de compras:

    . Lâmpadas
    . Fio
    . Adaptador
    . Estilete
    . Soquete
    . Plugue
    . Fita Isolante

    Foto 4

    Outra maneira de fazer um varal de lâmpada é ter um pisca-pisca em mãos e customizá-lo do jeito que quiser. Aí as inspirações são muitas:

    Com conchinhas: principalmente para decorar ambientes mais rústicos, o varal de lâmpada de conchinhas remete à natureza e fica ótimo para compor a decoração da casa de praia.

    Como fazer? Use pares de conchinhas para criar uma espécie de ‘capa’ sobre a luz do pisca-pisca e finalize usando pingos de cola quente. Dê preferência às conchinhas que tenham tamanhos iguais e que sejam mais clarinhas – justamente para que a luz consiga se dissipar.

    Com papel: por meio de dobraduras você consegue criar resultados bem legais também e, claro, muito barato.

    Como fazer? Da mesma forma que as conchinhas, cada dobradura ‘encapa’ a luzinha. E muitas vezes, nem precisa de cola, basta fazer um furinho no papel para realizar o encaixe.

    Com copinhos: copinhos descartáveis assumem outra faceta aqui e deixam o seu varal de lâmpada bem alternativo.

    Como fazer? Neste caso, você nem precisa de cola também. Basta fazer um furinho no fundo de cada copinho e encaixar a luzinha do pisca-pisca dentro.

    Com potinhos de vidro: o material, além de resistente, apresenta uma transparência que vai deixar o seu varal de lâmpada mega elegante.

    Como fazer? Neste caso, os potinhos de vidro utilizados precisam ser leves para que as luzinhas consigam sustentar o peso do material. Faça um furinho na tampa do pote e encaixe a luzinha.

    Flores artificiais: sabe aquelas florzinhas artificias que estão lá no fundo da gaveta sem qualquer uso? Que tal encaixá-las e fazer um varal de lâmpadas superpersonalizado?

    Como fazer? Vai depender muito das flores utilizadas, pois, dependendo, não é necessário nem cola para o encaixe!

    Foto 5

    Balão e barbante: com estes materiais você consegue fazer bolinhas artesanais e que combinam perfeitamente com a proposta de varal de lâmpada personalizado.

    Como fazer? Encha o balão e envolva-o com barbante, intercalando com pinceladas de cola branca. Espere secar e estoure o balão.

    Conteúdo feito em parceria com o Montacasa , marketplace de decoração e gourmet.

    Conheça também o charme das Lâmpadas de filamento .

    Fonte: Casa & Construção


  • 9 IDEIAS PARA USAR PLANTAS NA DECORAÇÃO DE NATAL

    9 IDEIAS PARA USAR PLANTAS NA DECORAÇÃO DE NATAL

    Flores e plantas combinam com todas as situações e perfumam o ambiente. Confira as nossas ideias para caprichar na decoração de Natal e arrase nas festas de fim de ano.

    Plantas suculentas organizadas em uma fôrma de bolo com furo rendem uma guirlanda inovadora!

    14-12-2017-2

    Guirlandas de folhagens diversas – podem ser artificiais! – penduradas por fitas, em diferentes alturas, dão um belo efeito na janela.

    14-12-2017-3

    As suculentas aparecem mais uma vez, agora acomodadas em uma estrutura de madeira. Uma árvore de Natal bem diferente e muito charmosa

    14-12-2017-4

    Uma roda de bicicleta serve de suporte para a guirlanda formada por vasinhos de suculentas criada pelo ateliê La Calle Florida.

    14-12-2017-5

    Rosas flutuantes mantém a elegância na decoração. Você pode optar pelo vermelho clássico ou ousar com o branco e outras cores.

    14-12-2017-6

    Na cesta, os vasinhos com vela, musgo e impérico vão para qualquer lugar.

    14-12-2017-7

    Revestidas com retalhos de tecido (grudados com fita dupla face), as garrafas se transformam em vasos perfeitos para o Natal. Para o acabamento, corte o tecido com uma tesoura zigue-zague e passe uma fita em volta do pano.

    14-12-2017-8

    Bolas de Natal viram delicados vasinhos em miniatura.

    14-12-2017-9

    Uma bola de isopor espetada com rosas rende um arranjo que faz vista.

     

    Fonte: Casa e Jargim


  • 7 dicas para organizar a casa no final do ano

    7 dicas para organizar a casa no final do ano

    Que tal manter a sua casa organizada para a chegada do próximo ano? Nos meses de novembro e dezembro, a correria pode ser um empecilho para manter a ordem. Confira algumas dicas das organizadoras profissionais Rosângela Campos e Gabriela Corrêa para transformar aquela limpa no armário e os preparativos para o Natal e Réveillon em uma tarefa agradável.

    1. Escolha um critério de desapego

    Final de ano é um época em que as pessoas ficam mais ansiosas, então não faça nada por impulso. Procure um momento tranquilo do seu dia para avaliar o que não tem mais uso. Não existe uma regra, por exemplo, se o item está há um ano sem uso deve ser jogado fora. O ideal é livrar-se dos excessos, ninguém precisa de dez saca-rolhas, por exemplo. Sempre que puder doe os itens e roupas, ainda pode ser útil para outras pessoas.

    2. Casa arrumada

    Faltam praticamente 4 semanas para o Natal. Para um melhor aproveitamento do mês, divida a ordenação do lar por peças e use esse tempo para dedicar-se a cada ambiente. Não misture nada, coloque cada coisa em seu lugar. A organização física dos espaços tem muito a ver com a nossa organização interna.

    3. Que tal começar a faxina pelo banheiro?

    Jogue todos os produtos que estão vencidos no lixo, se você não usou em quatro anos, com certeza não vai usar fora da validade. Isso também vale para os remédios, nesse caso descarte em pontos de coleta nas fármacias, jamais no lixo comum.

    4. Presentes coringa

    Livros e vinhos são uma boa opção de presentes coringa, sempre tenha artigos extras para controlar o orçamento e não deixar ninguém sem presente. Fazer compras de última hora causa stress e despesas desnecessárias.

    vela

    5. Checklist para o Natal/Réveillon

    principalmente se alguma das comemorações for realizada na sua casa. De uma maneira bem prática funciona assim: a quarta semana antes da festividade é dedicada para a compra dos presentes, em seguida reserve a terceira semana para a decoração, duas semanas antes do evento preocupe-se com as bebidas e na reta final, uma semana antes, faça as compras para a ceia/almoço. Viu?

    6. Sua casa em 2018

    Arrume as roupas de inverno em sacos brancos de TNT, que permitem a ventilação. Nunca guarde as peças em sacos plásticos, isso porque eles retém muita umidade e quem mora no Sul conhece bem o clima. Assim você libera espaço para comprar os itens da temporada de verão.

    7. É muito importante também reservar um tempo do mês só para você

    Essa é a época para organizar o seu lar e garantir que o próximo ano venha com uma boa energia dentro de casa.

    Fonte: Revista Donna


  • Fotógrafo espera pacientemente para registrar pessoas combinando com quadros no museu

    Fotógrafo espera pacientemente para registrar pessoas combinando com quadros no museu

    Este cara elevou visitas ao museu para outro patamar.

    Espie só…

    Stefan Draschan é um fotógrafo que costuma encontrar maneiras de melhorar sua experiência em galerias de arte criando seus próprios projetos de arte.

    Captou?
    Calma, a gente explica melhor.

    Em seu último trabalho, “People Matching Artworks” (algo como “Pessoas combinando com obras de arte” em tradução livre), o fotógrafo desenvolveu um trabalho impressionante de muita paciência.

    Pessoas combinam quadro museu (2)

    Embora as fotos tiradas pareçam ser perfeitamente pensadas e ensaiadas, na verdade, Stefan precisou esperar que visitantes do museu aparacessem com roupas que combinassem com os quadros expostos.

    Haja paciência!
    Pessoas combinam quadro museu (3)

    O fotógrafo gosta de frequentar diferentes museus para tirar suas fotos. Seu trabalho conta com registros em Paris, Viena e Berlim — onde ele esperou pacientemente por seus modelos.

    Pessoas combinam quadro museu (4)

    O resultado, como você pode ver, é essa obra de arte baseada em outras obras de artes. É a junção de criatividade, bom humor e arte.

    Pessoas combinam quadro museu (5)

    Pessoas combinam quadro museu (6)

    Pessoas combinam quadro museu (7)

    Pessoas combinam quadro museu (8)

    Pessoas combinam quadro museu (9)

    Pessoas combinam quadro museu (10)

    Pessoas combinam quadro museu (11)

     Pessoas combinam quadro museu (12)

    Pessoas combinam quadro museu (13)

    Pessoas combinam quadro museu (14)

    Pessoas combinam quadro museu (15)

    Pessoas combinam quadro museu (16)

    Pessoas combinam quadro museu (17)

    Pessoas combinam quadro museu (18)

    Pessoas combinam quadro museu (19)

    Pessoas combinam quadro museu (20)

    Pessoas combinam quadro museu (21)

    Pessoas combinam quadro museu (22)

    Pessoas combinam quadro museu (23)

    Pessoas combinam quadro museu (24)

    Pessoas combinam quadro museu (25)

    aiba mais no site de Stefan ou no blog dedicado ao projeto: peoplematchingartworks.tumblr.com

    Via: boredpanda.com

    Parece que a vida imita a arte até mesmo nas roupas, ein? :P


  • Persiana para sua casa: Qual o melhor tipo para escolher

    Persiana para sua casa: Qual o melhor tipo para escolher

    Os muitos estilos, marcas, formas e funcionalidades das persiana para sua casa complicam muito sua vida, não é mesmo? São tantas opções que você acaba meio indecisa na hora de decidir qual delas é mais adequada para o clima da sala que você “desenhou” por tanto tempo e resultou naquele ambiente fantástico de sua casa. E a pergunta “Persiana para sua casa: Qual o melhor tipo para escolher?” surge naturalmente. É por isso que a gente aqui vai deixar uma série de dicas e informações:para ajudar você a responder a essa pergunta. Vamos lá.

    Foto 01

    Qual é seu estilo? Contemporâneo? Mais tradicional? Mais vanguardista? Gosta de abstracionismo? Hoje em dia, há persiana para sua casa que sustentam qualquer estilo de vida, do mais simples ao mais sofisticado. A primeira dica que a gente vai deixar aqui é não compre persiana para sua casa pelo preço. Você gastou horas e horas imaginando como seria sua sala, de que maneira você poderia criar um ambiente para receber amigos e familiares.

    Deixar que tudo se contradiga por causa do valor da persiana é até mesmo um crime contra você mesmo. Um leitor nosso, o Cristóvão P. Cunha, advogado conhecidíssimo do Triângulo Mineiro, contou-nos um caso interessante sobre isso. Tão logo se casou, a esposa começou a desenhar na mente a casa em que ambos viveriam para sempre com os futuros filhos. No momento de comprar as últimas peças de decoração, enfrentaram uma fase financeira ruim por causa de problemas. Ela não se importou em deixar a janela principal da sala coberta com tecido simples e unicolor por poucos meses. Manteve até que a fase passasse e pudessem comprar a persiana para sua casa com a qual sonhou.

    Persiana para sua casa
    A sala de sua casa é o resumo de todos os ambientes que a compõem e a janela dela é óculo de sua alma. A analogia é certeira. É pela janela de sua sala que você vê o mundo lá fora, é a ligação entre o que você é no regaço e no conforto de seu lar e o que você precisa ser fora dele.

    É por isso que “vestir” a janela de sua sala é ação muito importante. Ela pode significar o sucesso ou o insucesso de toda a decoração. Por isso, a gente sugere que você siga as dicas abaixo.

    Antes, pense no seguinte:

    Objetivo da Persiana para sua Casa
    Persianas não apenas enfeitam ou controlam luminosidade. Elas são – ou podem ser – funcionais. Podem reter frio ou calor, proteger contra insetos, produzir privacidade longe de olhares externos numa sala de reuniões, por exemplo. Então, considere analisar profundamente o objetivo da persiana para sua casa. Ele é fundamental no momento da escolha.

    Vertical ou Horizontal
    Muitos arquitetos e decoradores dizem que escolher entre tipo vertical ou horizontal não pode ser apenas questão de “minha mãe mandou eu escolher esse aqui”. Isso depende da incidência do sol ou da luminosidade artificial externa – do quintal, por exemplo – ou natural. Dependendo da entrada da luz solar, un ou outro tipo pode mais eficiente.

    Foto 02

    Disponibilidade para Limpeza
    Você não é obrigada/o a ser compulsivo por limpeza, mas, se for, analise essa condição antes de comprar sua persiana. Alguns modelos precisam de horas e horas de manutenção e limpeza periodicamente, pois acumulam poeira e manchas com facilidade. Ainda que você não seja compulsivo, mas preza por higiene, também o interessante pensar nisso.

    Adequação Visual
    Como dissemos acima, a persiana para sua casa é item de decoração final. Você deve esperar que todo o visual do ambiente esteja montado fisicamente, não apenas no desenho. Assim, o risco de escolher um modelo não adaptado ao ambiente é menor.

    Segurança
    Se você tem filhos ou se recebe visitas de muitas crianças, pense nisso também. Alguns modelos dispõem de peças com nível de capacidade cortante de baixo a médio.

    Estilos de Persiana para sua Casa Disponíveis…
    … abrangem todas as necessidades individuais. Basta você atentar para as dicas acima e associar o objetivo da compra da persiana para sua casa e as funcionalidades ou visual da peça mostrada na loja.

    Horizontais
    Nossas pesquisas mostraram que persianas horizontais são as mais vendidas. Um dos motivos é entrada de maior quantidade luz que permitem ao ambiente, o que também oferece maior ventilação mesmo quando “fechadas”.

    Foto 03

    Verticais
    Visualmente, alteram a impressão que se tem do pé direito do ambiente. Este parece bem maior. E isso é importante em cômodos pequenos com pouco mobiliário ou mesmo grandes com muitos objetos.

    Foto 04

    Rolô (ou Rolon ou ainda Enrolável)
    Não é composta por lâminas, mas de material facilmente dobrável. Quando aberta, pode funcionar como quadro ou painel; quando recolhida, seu mecanismo enrola o painel próximo ao teto.

    Foto 05

    Romanas (ou Clássicas)
    É composta por lâminas mais largas e normalmente são horizontais. Apresentam grande facilidade na hora da limpeza. As cores e formatos são plenamente adaptáveis a qualquer estilo de mobiliário.

    Foto 06

    Painel
    Persianas com visual de painel são feitas de três ou quatro lâminas apenas cuja dimensão ocupam grande espaço. São muito indicadas para salas realmente grandes com pouco mobiliário, de maneira que sua plasticidade se destaque e sua eficiência no controle da luminosidade seja evidente.

    Foto 07

    Quanto aos materiais de que são feitas as persianas, todos os estilos acima se apresentam em vários deles: madeira, que insere ar mais rústico; bambu, que induz o visual à vida cabocla; alumínio, que tem fácil manutenção; PVC, que é o material mais procurado; tecido, que precisa de muito esforço para se manter limpo.

    Escolha a sua. O ambiente fica mais aconchegante e convidativo.


  • 8 Ideias para decorar um quarto infantil sem gastar muito

    8 Ideias para decorar um quarto infantil sem gastar muito

    Conheça 8 ideias para Decorar um quarto infantil sem gastar muito, saiba que mesmo com um orçamento baixo, podemos realizar um bom trabalho no quarto das crianças.

    Decorar um quarto infantil não é tarefa fácil para a maioria dos pais, principalmente quando há preocupação com o gasto excessivo em tintas, acessórios e tudo mais que compõe esse espaço tão especial para as crianças. O que pouca gente sabe é que tem como decorar o quarto dos filhos de forma fácil, simples e melhor ainda: gastando pouco!

    Confira 8 idéias para decorar um quarto infantil sem gastar muito que irão te ajudar bastante.

    Papéis de parede: Com o passar dos anos essa técnica tem sido cada vez mais usada na decoração de casas, principalmente em quartos infantis que são tão inspiradores. Eles estão espalhados por aí nas mais variadas cores e estampas, que irão variar de acordo com o gosto pessoal de cada um. Uma sugestão interessante são os papéis de parede ilustrativos e temáticos, que fará o quarto um ambiente convidativo e divertido, características essencial no quarto de toda criança. Além disso, podem ser encontrados de todos os preços e são de fácil aplicação.

    Abajures inovadores: A iluminação é outro item importantíssimo na composição de um quarto, abajures são ainda mais bem vindos quando o assunto é criança. Eles podem ser feitos de objetos reutilizáveis como pratos de plástico coloridos e canudos, papéis picados revestindo a luz e até mesmo garrafas pets que criam um design completamente irreverente e criativo.

    Quadros ilustrativos: Dão um toque todo especial ao quarto e são uma ótima ideia para decorar quartos infantis. As molduras variam, desde cores e formatos mais ousados e chamativos até tons mais claros e formas mais discretas.

    Pôsteres: Caso queira gastar ainda menos, há a opção de pôsteres que podem ser encontrados na internet e fazem o mesmo efeito que os quadros.

    Camas de pallets: Os pallets são uma febre entre os designers mais criativos da atualidade, principalmente por serem tão baratos e às vezes até sair de graça através de madeiras reutilizáveis. As camas compostas por fileiras podem complementar o quarto infantil da melhor maneira possível, uma sugestão nesse caso é pintá-las de cores vibrantes e alegres como o rosa e o azul.

    Utilize os brinquedos de seu filho: Ursos, bonecas e até mesmo carrinhos podem ser um acessório a mais na decoração de quartos infantis. Esses detalhes fazem toda diferença e dão um toque especial ao quarto. Além disso, você acrescenta sem gastar nada.

    Almofadas: Versáteis e de fácil acesso, as almofadas são bem comuns sobre as camas infantis e tornam o ambiente mais charmoso e confortável. Nesse caso, opte por almofadas que combinem com as cores do quarto, ou da cama. Tom sobre tom é uma forma bacana de usá-las.

    Decorar um quarto infantil sem gastar muito: Fotos

    8 dicas 2

    8 dicas 3

    8 dicas 4

    8 dicas 5

    8 dicas 6

    8 dicas 7

    8 dicas 8

    8 dicas 9

    8 dicas 10

    8 dicas 11

    8 dicas 12

    Fonte: http://www.euamodecoracao.com/8-ideias-para-decorar-um-quarto-infantil-sem-gastar-muito/


  • As Flores Trazem Tranquilidade e Harmonia para sua Casa

    As Flores Trazem Tranquilidade e Harmonia para sua Casa

    As flores têm o poder de alegrar qualquer ambiente. Elas levam cor, aroma e deixam o lugar bem mais agradável e bonito. Aliás, a beleza está longe de ser o único beneficio de ter flores em casas ou apartamentos. Além de serem ótimas para a decoração, elas conseguem aproximar a natureza das pessoas, purificam o ar e ainda transmitem transquilidade e harmonia para sua casa.

    Diantes de tantos benefícios, por que não ter flores em casa? Seja qual for a sua preferência, saiba que sempe existe uma ótima opção que agrade o seu gosto e que seja recomendada ao seu estilo de vida. Portanto, confira abaixo as dicas de como levar mais harmonia para sua casa com as flores:

    Onde colocar as flores

    Seja em casas ou apartamentos, existem alguns pontos-chave para colocar as flores, de modo que elas possam contribuir com a decoração, mas também possam levar harmonia para sua casa. Portanto, para que isso aconteça, coloque seus arranjos na mesa de jantar, em mesas de centro, no quarto, em cima do criado-mudo ou até mesmo no parapeito das janelas e na pia do banheiro.

    Para a última sugestão, tenha o cuidado de escolher espécies que se adaptem bem à ambientes úmidos, como, por exemplo, os antúrios, as begônias e até opções como essa Deslumbrante Orquidea Chuva de Ouro.

    Orquidea

    Flores com aromas

    Certas plantas costumam liberar muito perfume, e algumas fazem isso com maior intensidade no período noturno. Por isso, evite colocar arranjos de flores com aroma nos quartos, para não ter desconfortos na hora de dormir, e também nas cozinhas, para que os alimentos não adquiram o aroma emitido por elas.

    Dentre as opções de flores mais perfumadas que existem, estão a dama-da-noite, gardênia e também a jasmim. Mas e as rosas? Não se preocupe! Embora elas também sejam perfumadas, principalmente as rosas colombianas, você não precisa parar de usá-las na decoração da sua casa, basta colocá-las em locais ventilados, próximo às janelas, ou nas salas, onde não há perigo de acontecer mistura de cheiros. Tenha a Elegância das Rosas Lilás como um ótimo exemplo para decoração.

    Rosas

    Ambiente colorido

    Para deixar o espaço mais colorido, opte por flores de cores vibrantes e vasos que contrastem com a cor da parede. Isso deixará sua casa com um ar mais alegre. Para contribuir com isso, pode escolher arranjos que tenham mix de flores, ou seja, que contenham mais do que uma espécie e tonalidades diferentes.

    Caso precise de inspiração, saiba que para combinar flores, você pode escolher cores parecidas, e brincar com os diversos tons de rosa, por exemplo, como também pode fazer combinações com constraste, o que é mais difícil, mas ainda assim pode formar um arranjo muito lindo e elegante, como é o caso abaixo, que pode alegrar e dar mais vida à um ambiente clean.

    Coloridas

    Por fim, lembre-se de lavar os pratos de apoio e os vasos das suas flores, pelo menos a cada dois dias. Além disso, não deixe água acumulada nos pratos e opte sempre por colocar um pouco de areia. E se quiser se inspirar ou encontrar belos arranjos para levar harmonia para sua casa.


  • Como mesclar móveis antigos com os modernos na decoração?

    Como mesclar móveis antigos com os modernos na decoração?

    O contraste de épocas pode oferecer resultados inesperados para seu ambiente. Um móvel antigo rodeado de móveis modernos é, no mínimo, curioso. Procure surpreender com isso. Observe bem que móvel seu vai dar este contraste, mas tome muito cuidado para que ele não fique sobrando no espaço.

    Novas utilidades para antigos móveis
    Use a imaginação! Sabe aquele guarda-roupa que não aguenta mais guardar suas roupas? Experimente tirar suas portas e transformá-lo em uma exclusiva estante de livros. Ou então um baú, que pode se transformar em uma belíssima adega. E aquelas cadeiras da cozinha da sua avó? Experimente usá-las na sua cozinha planejada.
    Você também pode aproveitar partes do móvel, um tampo de mesa antigo com pés modernos pode dar um charme na sua mesa. Ou mesmo, ao contrário, os pés antigos para um tampo novo.

    Novas cores e texturas
    Você também pode apostar na modificação desses móveis. Experimente pintá-los, acrescentar texturas e estampas. Uma boa dica é pintá-los com cores fortes, como amarelo, cyan, magenta ou a que você preferir. Isso vai dar um ar retrô ao móvel e ele se destacará muito mais no ambiente.


    Outra forma de pintá-lo é utilizar tons da mesma paleta de cores do resto do ambiente, dessa maneira o ambiente fica mais harmonioso. Um bom projeto pode lhe ajudar e muito!


    Quanto às texturas, você pode utilizar um revestimento de tecido, que pode transformar um móvel que não esteja em condições muito boas em novo, além de deixá-lo moderno. Isso também pode ser feito com sofás e almofadas antigas. A dica é procurar novas cores e texturas que combinem com seu novo espaço planejado, tire dúvidas com o responsável pelo projeto.

    Souvenirs também ajudam na composição
    Além dos móveis, você também pode usar pequenos objetos antigos e obras de artes mais rústicas, que vão ajudar também a dar um toque retrô no ambiente. Caso você não tenha, experimente garimpar em antiquários e em feiras de antiguidade, nesses locais existem verdadeiras relíquias a ótimos preços. Vale à pena conferir.

    Cuidados
    Quando for harmonizar seus móveis antigos com os modernos, tome muito cuidado para equilibrar as cores, pense muito bem antes de sair reformando seus móveis. Caso tenha alguma dúvida, aconselhamos consultar um decorador de interiores ou o responsável do seu novo projeto, que poderá te dar ótimas dicas do que fazer com os seus móveis.

    Certifique-se também de ter mais de um móvel antigo, caso contrário, pode parecer que ele estava sobrando e correrá o risco da decoração ficar desequilibrada.
    Viu só? Você não precisa mais se desfazer dos seus móveis antigos, com um pouco de imaginação e bom gosto, você consegue revitalizá-los e incrementar ainda mais a decoração dos seus novos ambientes planejados.

    Fonte: Loja Dec